Março 16, 2021

Sete milhões de desempregados por consequência dos avanços tecnológicos 2021

Por Walter Berg

A procura de Profissionais de tecnologia da informação(TI) já está bastante em alta em 2021 e assim devem continuar entre os próximo anos. “A escassez de oferta de pessoas especializadas na área, em destaque os Desenvolvedores, vem gerando uma luta por talentos por parte das empresas”, explica Leonardo. Segundo o especialista, posições mais tradicionais em tecnologia, como Sistemas e Infraestrutura, também estão em alta e devem ter salários inflacionados no ano qui que vem. 

As profissões ligadas ao setor de tecnologia da informação e internet devem predominar no mercado. 

Com o mundo cada vez mais automatizado e conectado, novas necessidades e comportamentos se tornaram realidade. 

“Uma coisa é certa”, a tecnologia veio para revolucionar e transformar tudo o que está à nossa volta.

 

Um estudo divulgado pelo Fórum Econômico Mundial revela que, até 2021, sete milhões de pessoas ficarão desempregadas por consequência dos avanços tecnológicos. Assim como as empresas precisam estar antenadas aos avanços tecnológicos para não haver um atraso nos negócios, é importante a qualificação de pessoas que supram esse mercado super aquecido, com a finalidade de termos profissionais capacitados.

Grande parte das profissões em alta estão relacionadas à área de TI e internet. Confira, a seguir, as principais profissões em alta em 2021.

DPO (Data Protection Officer)

Chamamos de Data Protection Officer o profissional que, dentro de uma empresa, é encarregado de cuidar das questões referentes à proteção dos dados da organização e de seus clientes.

Com a nova lei geral de proteção de dados as empresas são obrigadas a terem uma pessoa responsável por fazer a ponte entre a situação da empresa e negócio e o que a lei determina

Especialista em Cloud

As empresas tiveram que correr contra o tempo para se adaptarem a um novo formato de trabalho em home office. Com isto, muitos projetos de transformação digital e migração de sistemas para cloud que já estavam sendo analisados, foram agilizados.

Especialistas em cloud computing atuam de forma proativa na análise dos indicadores do ambiente computacional, evolução da infraestrutura e otimização do uso destes recursos, com o objetivo de assegurar que as soluções em nuvem operem de acordo com as expectativas dos clientes e usuários em relação ao desempenho, disponibilidade e segurança.

Desenvolvedor  Mobile

O mercado de desenvolvimento mobile é extremamente vasto, na área de tecnologia de informação ao passo que o número de pessoas que realiza todo tipo de tarefa através de smartphones e tablets cresce, com o aumento da conexão à internet pelo celular — que é a principal forma de acesso para mais de 5 bilhões de pessoas no mundo, como aponta levantamento do We Are Social criando uma grande rede de possibilidades para quem decidir se especializar nessa área.

Engenharia de Dados

Engenharia de dados é uma área que trata da transformação dos dados brutos de uma empresa. Por ser uma profissão relativamente nova, a engenharia de dados é composta por uma série de conhecimentos difíceis de se encontrar em um único profissional. Estas habilidades estão diretamente relacionadas ao desenvolvimento e arquitetura de software, além de sólidos conhecimentos em bancos de dados, DevOps e infraestrutura de TI (tecnologia da informação).

Cientista de dados (Big Data)

Você já parou para pensar no volume de informação e dados que estão na internet? As empresas, sim. Por isso, buscam profissionais que saibam lidar com todo esse volume. É o cientista de dados.

Esse profissional tem como missão coletar e analisar as informações para, em seguida, apontar insights que favoreçam a empresa. O cientista de dados, por exemplo, comprova por números o comportamento que o mercado consumidor terá nos próximos meses. Um conhecimento que vale ouro para as empresas, pois podem tomar decisões muito mais assertivas e lucrativas.

Para decidir o que vale ou não a pena investir, pense no mercado, leve em conta a peculiaridade de cada mercado e cada público e planeje-se. Afinal, por mais que existam algumas profissões em alta, de nada adianta se você não conseguir alcançar um público interessado e qualificado também não basta saber quais são as profissões em alta se você não se mantiver atualizado constantemente. Ao fazer uma especialização, não apenas você ganha, mas também os seus clientes, que recebem um serviço mais qualificado.

Hoje, a facilidade da Internet e de cursos online facilitam atualizar os conhecimentos e adquirir novas competências que sejam diferenciais para o mercado de trabalho.

Com essas dicas será mais fácil decidir qual carreira escolher e seguir em frente, não acha?